Padre Zezinho, scj: Dom Odilo sabe o que faz!

<p>&nbsp;Um bispo sabe que deve respeitar a mídia e os fiéis da nossa ou das outras igrejas e nisso Dom Odilo é exemplar!&nbsp;</p>
Publicado em: 27/04/2015 - 17:30
Créditos: Redação

Não é a primeira vez que, direta ou indiretamente, pessoas que se dizem fiéis a Roma, atacam Dom Odilo Scherer cardeal de São Paulo. Passam a ideia de que conhecem a Igreja mais do que o Cardeal de São Paulo, mas, de organizar e motivar Dom Odilo entende!

As críticas quase sempre acontecem quando católicos cultos ou super-ativos mas pouco serenos veem seus interesses contrariados.

Ora, um bispo sabe que deve respeitar a mídia e os fiéis da nossa ou das outras igrejas e nisso Dom Odilo é exemplar! Mas há situações, nas quais claramente sua posição e missão  exigem que ele se situe,  para que outros não se atrevam a sitia-lo.

Eu prefiro pregar numa diocese cujo bispo se situa e não aceita ser sitiado, do que numa igreja onde padres ou leigos vociferam seus ressentimentos contra a autoridade do bispo, valendo-se da internet, da mídia  nacional, ou de entrevistas para ressaltar que a Igreja está dividida. É o que pensam, mas não é o que acontece. As discordâncias, pelo que sei, nunca se tornam discórdia. Tenho mais de 45 anos de contato constante com bispos, missionário que sou e pregador que passava semanalmente pelas dioceses do Brasil .

Em São Paulo, a igreja não está dividida, embora haja, aqui e acolá, alguma voz irada e agressiva contra seu líder, dita por um filósofo que merece  respeito pelos seus saberes, mas nem sempre pelos seus rompantes. Nada que tire a serenidade de Dom Odilo.

Se na Igreja  houvesse urnas para para imprimir nosso voto, em São Paulo todas as semanas eu votaria em Dom Odilo,  o que equivaleria votar no papa, já que ambos vivem em comunhão fraterna!

Quanto às frases agressivas destinadas a ferir o bispo, acho que ele já perdoou e nós também perdoamos. No caso deles, não podemos dizer que não sabem o que fazem, posto que sabem, e sua intenção é confrontar.  Se assim querem, prossigam, porque a esmagadora maioria da diocese apoiará o sensato e sereno Dom Odilo!

Pe. Zezinho scj